Contador de Visitas Contador de Visitas Gratis

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Camarão em Beringela grelhada com camarão defumado sobre Purezinho de mandioquinha
 


 
Confesso: essa receitinha eu criei pra ser só bonita, pra sair bem na chamada do nosso programa, que inclusive estréia dia 13 de dezembro, viu? Na www.tvgeracaoz.com.br, jpa sabe, né?
 
Mas não é que o negócio ficou uma DELÍCIA de desesperar o marido e me fazer correr aqui para o blog e registrar tudo, antes de eu esquecer rsss
 
 
 
Para duas pessoas especiais
 
Anote aí:
 
Para o camarão
4 camarões grandes, limpos e sem a casca. Deixe só o rabinho
3 dentes de alho picados para o cmarão
1 colher de sopa de salsinha e cebolinha picadas
 
Para a beringela
1 beringela (4 rodelas com 2 cm de largura)
4 dentes de alho amassados
azeite de oliva que baste (para ir regando aos poucos)
sal e pimenta do reino a gosto
meio pimentao vermelho refogado (corte em quadrados grandes, e refogue com azeite 1 alho amassado e sal a gosto)
1/4 xícara de camarão DEFUMADO (não é o camarão salgado, é o defumado do nordeste, ok?)
 
Purezinho de mandioquinha
4 mandioquinhas cozidas e amassadas
3/4 de xícara de leite líquido
1 colher de sobremesa de manteiga
sal a agosto
 
 
 
Comece temperando os camarões como o alho, sal e a salsinha picada e deixe na geladeira para pegar gosto.
 
 
 
 
 
 
 
Esquente uma panela, de preferência antiaderente, ponha uns fios de azeite e distribua as rodelas de beringela. salpique o camarão defumado em cima de cada uma delas, pimenta do reino e regue com fios de azeite. deixe em fogo baixo até dourar embaixo, vire o lado e ponha sal e pimenta do reino a gosto. Quando for necessário (se achar a beringela seca) regue levemente com azeite até q as beringelas fiquem bem macias e bronzeadas.

 
Enaquanto aguarda as beringelas atingirem o ponto (demora um pouquinho mesmo) faça o purê. Misture todos os ingredientes numa panelinha e mexa em fogo brando até ficar homogêneo e ferver. Apague o fogo e reserve.
 
Numa frigideira, frite o camarão com o mínimo de azeite possível, são só uns fiozinhos mesmo, para o camarão não grudar. São praticamente grelhados. deixe 3 minutos de um lado e 3 de outro, em fogo médio/baixo.
 
Monte o prato colocando o purê embaixo, formando um círculo, por cima uma rodela de beringela, alguns pimentões e novamente uma redola de beringela e os camarões ao final. POde finalizar com mais salsinha picadinha.
 
Gente, e deliiii!
 
Obrigada!
 
 
 
 
 

terça-feira, 20 de novembro de 2012

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Arroz Bariloche


Aí, como eu estava falando, foi assim. Marido chegou com fome e eu havia esquecido de descongelar o feijão, resultado: Miojo! Pensei rápido, despois repensei: o bichinho, coitado, tomou chuva, merece uma gororobinha temperadinha, né? Aí, abri a geladeira e encontrei Bacon (1 quadrado gordo de 3 dedos de lagura + 3 de altura), Paio (1/2) e um pedacinho de alcatra (cerca de 2 bifes)... é o que tem pra hoje! rss
 
Coloquei o arroz (1 xíc e 1/2) para cozinhar (sua receita normal) mas na água eu coloquei 1 folha de louro e pimenta do reino (3 grãos inteiros) só para aromatizar ;-).
 
Piquei as carninhas todas e, numa panela grande, primeiro refoguei o bacon sozinho, quando começou a dourar, coloquei a alacatra, e por último o paio, tudo picado grosseiramente, pq tempo era artigo de luxo neste momento...rs
 
Quando o arroz estava quase cozido, coloquei 1 colher de cafezinho de açafrão. Desliguei o fogo das carnes e deixei descansar enquanto o arroz terminava de cozinhar. tic tac tic tac...
 
Pronto. Religuei o fogo das carnes, juntei o arroz a toda aquela gostosura, aproveitando a "graxa" que havia se formado no fundo da panela para temperar o arroz. Piquei 1/2 maço de salsinha + 3 talinhos de cebolinha. Juntei esta natureza verde à mistura que ficou bem iluminada de tanta cor e tanto brilho.
 
Quando ele, meio descredibilizado, provou, tcham, perguntou, já interessadíssimo tirando o olho do computador e voltando para o prato: "Huuuuum!!! O que é isso??!!" eu falei, me achando hehehe, um arrozinho.... ele - Como é o nome? eu - sei lá, inventei agora. ele - então vai se chamar "Arroz Bariloche"! E eu falei, "ta bom" rs e comemos alegremente nesta segunda-feira chuvosa desta São Paulo tão inspiradora.
 
Obrigada pela visita, queridos!!